Pular para o conteúdo principal

Resenha: Um Verão Para Recomeçar - Morgan Matson

Resenha: Um Verão Para Recomeçar - Morgan Matson
Classificação: 4/5
Editora: Novo Conceito
Skoob

Sinopse: Um Verão Para Recomeçar - Morgan Matson

Taylor Edwards nunca se sentiu importante, muito menos alguém que se destaca.
Além disso, ela tem a estranha mania de fugir quando as coisas ficam meio complicadas. No dia do seu aniversário, Taylor recebe uma terrível notícia: o pai dela está muito doente. Ela até tenta fugir novamente, mas agora sua família precisa de toda ajuda e união possível.Então eles tomam a seguinte decisão: passar o verão juntos na casa do lago.

Família! Vida! Perdas! Um último verão!
O final de uma história, a procura, o preparo de um futuro adeus, a premissa dessa obra é para abalar qualquer CORAÇÃO. Temos uma família, pai, mãe e três irmãos, a descoberta de uma doença grave, uma sentença de morte e um último verão, uma última chance de construir últimas memórias e dizer adeus. Um verão para recomeçar vem assim com essa sintonia melancólica, falando de sentimentos, família e momentos, mistura dor e amor com uma pegada adolescente que mesmo com um tema tão dramático deixa a história gostosa e até mesmo leve de ser lida.

Taylor é uma adolescente normal, que tem todos os problemas comuns da idade, seu maior problema é simplesmente gostar de evitar problemas, ou melhor, não saber lidar com eles, e fugir. Porém, a situação que sua família está vivendo não é propicia para fugas, então, quando em meio a um jantar não muito comum, uma notícia ruim é dada, algo terrível mexe completamente com a calma dessa família.  

Temos um pai que sempre fez de tudo por eles, e que é advogado, e muito comprometido com seu trabalho, Taylor nunca viu seu pai parado, sempre produzindo, trabalhando, uma irmã dançarina, um irmão muito inteligente, uma mãe presente e Taylor, que é simplesmente Taylor, que quer apagar sua melhor amiga e seu ex primeiro amor de sua vida, o que fica bem difícil no momento que volta para a casa do lago e é a primeira pessoa que encontra.

A obra tem essa pegada juvenil, com briguinhas entre amigas e primeiro amor que não deu certo, o mocinho em questão de inicio tem uma magoa muito grande Taylor, que fugiu por algo que podia ter enfrentado, porém, o mais legal e que mais me marcou na obra foi a construção e desenvolvimento dos irmãos, da família em si, do relacionamento entre eles, e com seu pai. Várias vezes mesmo sendo algo simples, o que passava pela minha mente era que aquilo poderia ser uma última vez.

A escrita da autora Morgan Matson é gostosa, envolvente, simples e bem fácil e ser compreendida e sentida. Curti muito passar um tempo com esses personagens, nesse verão muito, muito especial. Um verão para recomeçar, mostra amor, família, empatia, amizade, e a importância de viver plenamente tudo, e simplesmente não deixar de fazer ou viver algo por MEDO.

Paula Juliana

Comentários

Últimas Postagens Overdose:

Postagens mais visitadas deste blog

Li - Gostei e Indico! SÉRIE NIGHT HUNTRESS

Li - Gostei e Indico! SÉRIE NIGHT HUNTRESS 

1º Livro da Série Night Huntress – Jeaniene Frost

Título Nacional: A Caminho da Sepultura

Sinopse: A meia vampira Catherine Crawfield persegue os mortos-vivos atrás de vingança, esperando que um destes seres seja seu pai. Capturada por Bones, um vampiro caçador de recompensas, é forçada a uma parceria profana. Em troca de encontrar o pai, Cat concorda em treinar com o sexy caçador noturno até que seus reflexos de combate estejam tão afiados quanto os dentes dele.


2º Livro da Série Night Huntress – Jeaniene Frost

Título Nacional: Com um Pé na Sepultura

Sinopse: A meio-vampira Cat Crawfield é agora a Agente Especial Cat Crawfield, trabalhando para o governo para livrar o mundo de mortos-vivos mal intencionados. Ela ainda usa tudo o que Bones, seu ex-namorado sexy e perigoso, ensinou a ela. Mas quando Cat torna-se alvo de assassinos, o único homem que pode ajudá-la é justamente o vampiro que ela abandonou. Estar perto dele desperta todas as suas emoç…

Resenha: MAYBE SOMEDAY - Talvez algum dia - Colleen Hoover

Resenha: Talvez algum dia - Colleen Hoover
Classificação: 5/5 ♥ Favorito 

Editora: Record
Skoob

Sinopse - Talvez algum dia - Colleen Hoover
Aos vinte e dois anos de idade, Sydney está desfrutando de uma grande vida: Ela está na faculdade, trabalhando em um emprego estável, apaixonada por seu maravilhoso namorado, Hunter, e é colega de quarto de sua melhor amiga, Tori. Mas tudo muda quando ela descobre que Hunter está traindo ela e ela é forçada a decidir qual será seu próximo movimento. Logo, Sydney encontra-se fascinada por seu vizinho misterioso e atraente, Ridge. Ela não consegue tirar os olhos dele ou parar de ouvir o jeito que ele toca seu violão todas as noites em sua varanda. E há algo sobre Sydney que Ridge não consegue ignorar, também. Após seu encontro inevitável acontecer, Sydney e Ridge encontram-se necessitando um do outro em mais do que uma maneira.

''Ótimo. Estou chorando  agora.  Eu sou uma sem bolsa,  chorona, violenta, garota sem-teto. E por mais que eu não queira …

Resenha: Os Sombras - The Shadows /// Livro 13 - Irmandade da Adaga Negra # 13 - J. R. Ward

Resenha: Os Sombras - The Shadows /// Livro 13 - Irmandade da Adaga Negra # 13 - J. R. Ward Classificação: 5/5 ♥ Favorito  Editora: Universo dos Livros Skoob
Sinopse: Os Sombras - The Shadows /// Livro 13 - Irmandade da Adaga Negra # 13 - J. R. Ward Dois irmãos, ligados por algo maior que o laço de sangue, lutam para evitar um destino brutal. Trez "Latimer" não existe de fato. E não só porque essa identidade foi criada para que o Sombra pudesse viver no mundo humano. Trez fugiu de sua prisão no palácio dos Sombras há anos, e agora vive em Caldwell como cafetão, sempre tentando evitar seu fatal destino como escravo sexual da rainha. Ele nunca teve em quem confiar de verdade... a não ser no irmão, iAm.  O único objetivo de iAm sempre foi impedir que o irmão de autodestruísse, e ele sabe que fracassou nisso. Só depois que Selena, uma Escolhida, entra na vida de Trez, é que o macho começa a dar a volta por cima; porém, é tarde demais. Chegou a hora de cumprir a profecia de se comprom…