quarta-feira, 23 de julho de 2014

Resenha: Cicatrizes - Eva Zooks

Resenha: Cicatrizes - Eva Zooks
Classificação: 5/5 ♥ Favorito

Sinopse - Cicatrizes - Eva Zooks
Perdida em um mar de ilusão. Afogando-se em uma onda de solidão, entregando-se as pequenas chances e esperanças de enfim recomeçar, Cassie luta contra o mar bravio e revolto que está sua vida, caminhando em direção ao farol, seu porto seguro. Hawke. Um homem bem sucedido que vê sua vida virada as avessas com a entrada desse furacão. Uma batalha será travada, de um lado o amor, quase obsessivo de Cassie e de outro a força centrada e resoluta de Hawke. Princípios serão quebrados, lágrimas derramadas, corações dilacerados. Tudo em nome do amor.

''– Quando você deixará alguém realmente chegar perto de você? Quando abaixará as armas e se entregará para viver um amor verdadeiro? Cassie, não podemos viver o tempo todo sozinhos. O coração necessita ser cuidado, amado, e você precisa aprender a dividir os sentimentos que estão dentro dele. Diga-me, quando deixará de se esconder por trás dessa máscara fria que foi criando ao longo do tempo? Essa não é você.''

Tudo é valido por amor? Até quando o limite entre o amor e a dor são saudáveis? Até onde o amor pode aturar? Pode aceitar? Ultrapassando limites, escalando barreiras, aceitando quando o amor aparece e se entregando sem reservas, de corpo e alma, Cicatrizes da autora talentosa Eva Zooks, veio com tudo para pirar nossas cabeças e nos fazer entrar com paixão nessa deliciosa história de amor.  

''Estou tão cansada de tudo. Queria ser como um pássaro, poder voar e pousar em um lugar bem alto e distante. – Lila ficou a observar sua amiga. A tristeza que ela carregava dentro de si era um buraco negro.''

Cicatrizes conta a intensa história de Cassie e Hawke. 
Cassie a Princesa do gelo, a imagem da mulher fria. Séria, impessoal, trabalha com empenho, atura seu chefe pé no saco, - até cheguei a pensar que aconteceria algo entre ela e o chefe, de tanto que eles se bicavam, não aconteceu. Cassie mantinha uma rotina de encontros no esquema ''não me envolvo'', nem o nome dos homens eram falados, na quinta, ela se encontrava com o Quinta-feira, na sexta, era a vez do Sexta-feira. Mas Cassie sempre se escondia. Se escondia dentro de si mesma na sua própria concha. Estava infeliz com sua vida, necessitava de algo mais. 

Lila e Adam são seus melhores amigos! Lila que conhecia melhor suas necessidades e Adam que sempre se perguntava onde a mulher apaixonada se escondia dentro dessa Princesa do gelo. Adam adiciona Cassie em um grupo de poesias. Cassia começa a se identificar, a personalizar e idealizar uma pessoa do seu novo grupo. Ele se intitula O Corvo. Esse homem começa a mexer com a imaginação de nossa Cassie.  

''Fico olhando o tempo passar.Pensando em quantos “ses” existem em minha vida.E as certezas? Onde estão?Lágrimas teimosas rolam pelo meu rosto. Sinto meu coração martelando contra meu peito. Então um simples Oi. Um mero olhar. Tem o poder de minha alma resgatar.''

 ''Quando terminou de digitar, releu e um sorriso sedutor brotou em seus lábios. (...)
– ''Então um simples Oi”. É de bom tom responder quando alguém lhe diz oi.'' ''

''Sinta-me! Tomando-a por inteira. Preenchendo cada vazio. Curando todas as dores. Entregue-se. Renda-se. Deixe de lutar. Estou aqui.Venha!''

Por outro lado. Por causa de uma carona acidental, nossa moça conhece o irresistível, Hawke. E fica MUITO balançada! 

Hawke é um dominador sexual. Poderoso, rico, lindo, gostoso, pratica o nossa tão falado BDSM. E adivinhem! É dono de um certo grupo de poesias! 

 ''– Ei! Calma aí. Quem está com cara de idiota aqui não sou eu. Está agarrada a esse livro como se dele dependesse sua vida. O que tem de tão bom nele?
  
– Não é o que tem nele e sim o que ele representa, Adam. – A voz de Hawke ressoou pela sala. – Nem sempre o que vemos é o que realmente é. Existem muitas coisas por trás de uma simples capa de livro ou até mesmo do próprio livro. (...) – ele a viu tomar ar e respirar fundo. Quando percebeu que ela diria algo a interrompeu. – Não! Agora não. Aqui não é o lugar e esta não é a hora. Mas ainda vamos voltar nisso, pode estar certa. Esperarei por você, afinal eu te disse Oi. – concordando, colocou o livro no lugar e dirigiu-se para a porta. – Só mais uma coisa, se eu fosse seu DONO, você nunca mais colocaria seus pés nessas coisas, usaria apenas tênis, pois eles nunca os machucariam. Então Cassie, como ainda – colocando ênfase na última palavra – não sou seu DONO, não posso te ordenar isso – sorriu ao ver seus olhos nublarem –, mas se quiser me agradar, pode jogar essas coisas fora e começar a usá-los.''

Em um simples OI. Uma troca de olhar. Uma puxada de orelhas por causa de certos sapatos. Um romance começa a se formar. 
Com paixão, fome, entrega total e rendição! 
Cicatrizes me fez sonhar, me fez questionar valores morais tão bem conhecidos. Me fez querer brigar, xingar e amar esse mocinho. Me fez querer brigar, xingar e amar essa mocinha.

Quando comecei a ler, levada a pensar pela capa que as cicatrizes existentes eram do nosso mocinho, me surpreendi quando descobri que quem tinha marcas, feridas e problemas era nossa Cassie. 
Cassie afastava a sua própria dor com dor. A troca de dor emocional pela dor física. 
Não pense que quem saiu dando essa dor para ela foi Hawke. Não foi. Cassie se machucava. Essa parte do livro quebrou meu coração. Cassie tinha uma dependência a sua dor física, era como se quando ela se machucasse, iria minimizar, ou melhorar a dor emocional que estava sentindo.

''Ela vinha em sua direção como um raio de sol quando rompe a escuridão. Por algum motivo, sabia que iria amá-la. Amá-la de uma forma intensa e verdadeira. Levantou a cabeça e seus olhares se encontraram, um tremor passou por seu corpo como se tivesse acabado de levar um choque. Paralisado, navegou por aquele olhar castanho.''

Seu relacionamento com Hawke logo no principio, já foi extremamente conturbado. Como Dom, Hawke acreditava que o número aceitável de submissas para um dominador era três. Cassie nunca iria aceitar dividir seu homem com outras ''irmãs de coleira''. Ela começou a entrar em uma grande nóia que não era suficiente para ele, que tinha outra mulher interessada nele. Ela precisava da certeza que era única e suficiente para ele. E ele não entendia. Aí que surge um dos grandes conflitos da obra. Será que Hawke irá abdicar do que acreditou sua vida toda por amor? Será que Cassie abrirá mão de ser sua única mulher?

Eu pessoalmente NUNCA, aceitaria nem uma conversa sobre uma coisa dessas, comigo ele já teria levado um pé na bunda ali mesmo, e iria caber a ele, ver o que era prioridade na sua vida. 

''Se já ficara presa pelas palavras dele, com aquele olhar nunca mais conseguiria se libertar. Via-se totalmente perdida em uma avalanche de emoções totalmente desconhecidas. A respiração começou a ficar difícil, o coração a acelerar, podia sentir as batidas em sua cabeça, os ouvidos pareciam que iam explodir, tudo estava rodando. A dor no estômago que tanto gostava de aparecer quando ficava nervosa também lhe fazia companhia. Não era impressão. Estava mesmo tendo um ataque de pânico.''

A história que gira em torno de um BDSM bem leve e sem cenas de violência, me agradou. Me agradou nos conflitos, nas cenas que causaram diversos sentimentos em mim. Eu me apaixonei pelo Hawke, mais algumas de sua ''filosofias'' eram inaceitáveis para mim. Uma hora eu queria proteger Cassie, em outra, eu queria bater com sua cabeça na parede. Não acreditava em algumas reações dela, queria xingá-la loucamente. 
Tinha pena da dor emocional dela. Eu queria conhecer todos os seus medos e seus conflitos. Hora queria que ela deixasse ele, hora queria que ela o perdoasse. Acabei sempre torcendo para o amor por fim! 

''Os medos com os quais tanto lutava, tais como o fato de nunca se entregar em uma relação, de sempre ficar à margem da vida, passando por ela, vagando como um andarilho sem rumo.''

''Tenho medo de me perder e nunca conseguir me encontrar, tenho medo de amar e ser destruída no processo. Sou forte, determinada, mas não estou acima de sofrer, por isso mantenho todos longe. Construí um muro e por ele ninguém – parou o que estava prestes a dizer – por ele quase ninguém passou. – Uma fera reivindicando sua fêmea.  Agarrando seus cabelos, tomou sua boca em um beijo que selava sua posse. Eram fogo e gelo. O beijo foi algo diferente de tudo que Hawke havia sentido.''

Amor e dor estão presentes nessa narrativa. Medo de se entregar e sair quebrada no processo. 
Cicatrizes nem sempre são visíveis e Cassie e Hawke mostram bem o significado da palavra superação.
Hawke com sua frieza aparente, Cassie com seus problemas emocionais, mostram que personagens não precisam ser perfeitos para serem extremamente bons. 
Tinha comentado na coluna - Li até a página 100, que Cassie era uma personagem muito real, que eu conseguia me ver um pouco nela, que ela poderia ser eu ou qualquer pessoa que está lendo. Eu gosto muito quando um livro segue essa linha do não perfeito. Ou o aceitar seus modo imperfeito de ser, se aceitar ou simplesmente superar o que é mudável.  
Afinal, as pessoas não são lineares, estão sempre em mudança constante. 

''Mais uma vez ele quase fez amor com ela e dessa vez em um lugar público e, para mais uma vez, logo em seguida se afastar como se nada tivesse acontecido. Essa frieza a deixava perdida, sem saber como lidar com ele. Fogo e gelo, sempre.''

A escrita da autora é muito gostosa. Eu amo as descrições dela. Sendo elas de lugares, a história começa em Nova York e passa por alguns outros lugares, alguns até bem conhecidos, para quem leu o primeiro livro de Eva. Adoro a descrição dos sentimentos, das ações dos seus personagens, era como se eles estivessem bem na minha frente, até mesmo como um filme na minha cabeça. Me perdi completamente no mundo da leitura. Esqueci de tudo. Minha atenção e meus pensamentos exclusivamente focados na história.

''Quero sua alma entregue, nua. Quero te segurar firme e envolvê-la em meus braços como só eu sei fazer. Quero sentir o pulsar do sangue em suas veias sempre que meus lábios tocarem seu pescoço. – puxou-a novamente para ele e beijou seu pescoço, brincando com a língua, seguindo o caminho da veia que pulsava debaixo dela. – Quero o suor de seu corpo quando eu estiver dentro dele, e ainda mais, quero o fogo que te incendeia cada vez que eu te toco. Quero que seja minha no agora, no amanhã. Quero que seja minha para sempre.''

Como fã do primeiro livro da autora, fiquei radiante quando vi meus personagens de Caminho das Águas, fazendo participações como personagens secundários. O meu eterno amor Ron apareceu. James e Anne também deram o ar de sua graça. Não tinha como não ficar feliz lendo!

Eva tem um humor único. Em algumas partes da obra eu gargalhava com as tiradas dela.
O livro não ficou pesado, ele é uma história de amor hot - com cenas muito quentes! Hot, hot, hot! Com um humor bárbaro e com temas e conflitos que sabem mexer com as emoções do leitor!  

''Viver é perder o medo do que a gente nunca espera e jamais será capaz de prever. Eu não previ sua chegada em minha vida. Apenas aconteceu. Então vamos aproveitar esse momento e vivê-lo. – Afastando-se mais uma vez, sorriu ao ver as lágrimas que desciam pelo lindo rosto. – Tudo bem? Vamos vivê-lo? – perguntou enxugando suas lágrimas.''

Eu super indico Cicatrizes. Indico para quem gosta do gênero, para quem gosta de romances diferentes e muito intensos. Para quem gosta de ''Paixão, fome, entrega total e rendição'' em todos os sentidos! 

''Precisou que Cassie chegasse à sua vida para que ele começasse a enxergar o quão triste e sombria ela era. Ela chegou, e com ela o sol trazendo todo seu calor e alegria. Ela chegou em sua vida e ele não estava deixando ninguém levá-la para longe, a única que tinha esse poder era a própria Cassie. Somente ela carregava o poder de ir ou ficar, e ele esperava de verdade que sempre escolhesse ficar.''

Quotes Preferidos:

''– O que você tem, menina, que me aprisionou dessa forma? O que você fez para que o mero pensamento de ficar sem você encha meu coração de tristeza e dor?''

''Que você goste de apanhar, que você goste de sexo selvagem, que você goste de ficar roxa, que você goste de namorar o capeta é problema seu! Mas é problema meu quando isso começa a te destruir, é problema meu quando vejo minha amiga-irmã definhando. Cassieeee!!!!! Escute-me, olhe pra si mesma.''

''Ela sabia que aquelas eram suas marcas, cicatrizes que refletiam não só as feridas de seu corpo, mas sim o quão dilacerados seu coração e sua alma estavam.''

''Na força da relação, em como ele a dominara não deixando chances para perceber o que estava acontecendo, como o amor que sentia por ele era algo tão cru, tão visceral, um sentimento não só de momento, mas de uma vida inteira.''

Paula Juliana

82 comentários:

  1. Olá Paulinha!
    Eu sou apaixonada pelo seu blog! É lindo, as dicas de leitura são maravilhosas e tem para todos os estilos. Eu pessoalmente adoro os livros hots, comecei a ler esse estilo com o 50 tons e não parei! A sua resenha está perfeita, super completa, bem escrita e apaixonada! Não tem como não ler essa pela resenha e não querer ler o livro! Amei saber que se envolveu assim com a história, eu já fiquei apaixonada pelo Hawke só pelos trechos que colocou e fiquei com pena da mocinha, também pela capa eu achei que quem teria as cicatrizes era ele. A capa por sinal é muito chamativa e muito bonita.Anotada dica e meus parabéns por essa obra de arte!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito Obrigada Fernanda sua linda!!
      Espero que sempre curta o blog e ache muitas dicas boas de leituras! Eu gosto muito de 50 tons, também comecei a ler os hots por ele, por isso tenho um carinho! Espero mesmo que se apaixone loucamente pelo nosso Hawke!! Um grande beijo!!! <3 <3 <3

      Excluir
  2. Oi Paula, tô simplesmente louca pra ler este livro, já havia visto um zum zum zum.
    Adorei a resenha, eu sigo a Eva no face!!!
    Parabéns moçoila!!

    ResponderExcluir
  3. Paixão, fome, entrega total e rendição! Uau, adorei isso, a capa também é uma tentação, estou sentindo falta de ler um livro assim hot, hot. Adorei saber que a autora coloca os personagens de outro livro nesse ai, gosto muito quando isso acontece. Não sei não Paula, acho que eu vou dar uma passada na sua estante um dia desses, só para fazer um visitinha, quem sabe.
    Beijos!!!

    http://follow-and-breath.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi minha flor!
      Viu só! Bem quente guria! Vai amar! Eu também ADORO quando os meus personagens aparecem para me dar uma alegria!
      Ia surtar com minha estante! Hahhahaha
      Beijos

      Excluir
  4. Não conhecia, dizem que compramos pela capa então eu compraria rs

    Beijos,
    www.agendafashion.com.br

    ResponderExcluir
  5. Quando passamos por momentos de ilusão, só resta a esperança para continuar a seguir, e esquecer as cicatrizes esse livro relata muito bem sobre isso, Paula resenha maravilhosa beijos.

    ResponderExcluir
  6. Parece muito bom!
    Beijos,
    Julie
    http://www.juliechagas.com/

    ResponderExcluir
  7. Gostei da resenha, parece ser bom! rs
    Beijos!

    http://www.pamlepletier.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Parabéns pela resenha, adorei!
    O livro parece ser ótimo, mas não é o gênero que eu costumo ler.
    Beijos!
    http://borboletasliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Já não tinha curtindo no "Li até a página 100", agora só confirmei. Essa coisa de dominador e submissa pra mim já deu o que tinha que dar. Pior ainda quando o cara quer ter mais de 1 mulher. Dispenso o livro, não vou gostar.
    Beijinhos!
    Giulia - Prazer, me chamo Livro

    ResponderExcluir
  11. Nunca li nenhum livro mais quente assim, mas essa ideia da personagem ter problemas psicológicos me deixou bem interessada. Gosto de tramas cujos personagens são assim, porque a gente sempre aprende muita coisa, né? Também tive uma amiga que, pra se livrar de problemas emocionais, machucava-se fisicamente e é uma coisa muito triste mesmo. :/

    Um beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um tema bem forte que a autora trata! Vale a pena conferir flor!
      <3 <3 <3

      Excluir
  12. Quando li a sinopse já pensei em uma história clichê , então li sua postagem até a página 100 e já me encamtei com sua opnião sobre o livro , hoje ao ler sua resenhas e essas passagens do livro , fiquei super ansiosa para ler . Gosto de livros com personagens como o caso do Hamke , adoro suas resenhas . Lá vai eu comprar mais um livro rssss .

    beijos

    Joyce

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joyce!
      É super apaixonante!! Espero que leia e ame como eu amei!!
      <3 <3 <3
      Obrigada!!
      Beijos

      Excluir
  13. Olá!!
    Faço a assessoria da autora e fico feliz em ver que você gostou do livro!
    A sua resenha ficou ótima, muito bem escrita!

    Beijos
    http://plantaoonline.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Ola lindona...
    pela sinopse do livro deve ser uma historia e tanto,sua resenha ficou bem legal...
    e otimo a maneira que vc desenvolve a historia sabia?
    da para gente entender a historia sem perder a emoção da curiosidade do que mais tem no livro,so gente talentosas assim como vc conseguem..parabens
    MIL BJS
    WWW.ZILANDRAMAKES.COM.BR

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito Obrigada Zi!! Fico mega feliz mesmo que vc curta tanto minhas resenhas!! <3 <3 <3
      Um grande beijo!

      Excluir
  15. Olá, Paula! Parabéns pela resenha, adorei as frases destacadas! E também adorei a relação do título com os personagens em si... Todo nós temos cicatrizes, né? :) Beijos!

    bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
  16. acho que um amor verdadeiro é capaz de superar qualquer dor.amei a resenha
    www.portaldebeleza.com

    ResponderExcluir
  17. oi paula obrigada pela visita♥ gostei ta resenha bjs.
    http://flaviamariavieira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Não conhecia nem esse nem o primeiro livro da autora que você é fã! hahahaha
    Essa capa me deu um nervoso absurdo desse braço do homem cheio de veias saltadas! grrrrr

    www.umbigosemfundo.com.br

    ResponderExcluir
  19. Essa semana ouvi falar desse livro, achei bem interessante. Ótima resenha.
    Bjús, Cih
    http://quadrofeminino.com/

    ResponderExcluir
  20. Eu já ouvi falar desse livro, mas não fiquei interessada nele e embora a sua resenha tenha sido positiva, eu ainda não fiquei interessada, até porque eu não costumo ler livros desse gênero, sem contar que essa capa não me atraiu de jeito nenhum, ou seja, eu passo a leitura desse livro completamente :C

    Beijos :*
    Larissa - Srta. Bookaholic

    ResponderExcluir
  21. Nossa Paulinha!
    Que babado esse livro, estou esperando a autora me mandar ele para ler, só em saber que tem BDSM, eu já leria com certeza e penso igual a você, se viessem com uma proposta dessa levaria um belo pé na bunda!
    Amei conhecer um pouco melhor a história através de sua análise.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entãooo menina! É um BDSM bem leve, não é o foco do livro para mim! Eu acho que vc vai gostar muito dele! <3 <3 <3
      Obrigada!!!
      Eu dava, que história é essa de outras mulheres! ahahhahaa
      Beijos

      Excluir
  22. Paula, que livro menina!!!
    Me interessou só pelo fato da mocinha ser a "gélida". Ai, você vem com esses detalhes perfeitos e... uau!
    Quero mto viajar na leitura.
    Beijos amoreco,
    aculpaedosleitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Bia! Sua linda esse é um que ias adorar ler!
      Obrigada!!
      <3 <3 <3
      Beijos!

      Excluir
  23. Acabei de assistir o trailer de 50 tons, dai venho aqui e leio essa resenha. Eu quero ler o livro agora hehehe. Não li nada da autora ainda, mas bom saber a sua opinião. Parabéns pela resenha bem completa.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Sil!!!
      Amei aquele trailer! ahhhahahaha
      Mulherada alucinada!!
      <3 <3 <3
      Beijos

      Excluir
  24. Não conhecia este livro mas gostei muito da sua resenha, e gosto muito deste gênero.

    Beijos

    http://vanvariedades.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Não sei se gosto desse tipo de leitura.
    XoXo
    Mah
    http://mah-in-wonderland.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Olá, boa noite!
    Adorei essa resenha! Me deixou com bastante vontade de ler esse livro que eu nem conhecia. A capa e a sinopse não revelam naaaada, e foi bem interessante acompanhar pelo seu ponto de vista, Paula! :D
    Beijos!
    http://cantaremverso.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom amada! Muitas sinopses são assim e no fim precisamos de resenhas para comprovar! Esse está aprovado para mim! ahahahha
      Maravilhoso!
      <3 <3 <3

      Excluir
  27. Não conhecia o livro, mas fiquei interessada!!
    Beijos
    http://livroscomchadastres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Achei o máximo isso do livro ter participações de personagens de Caminho das Águas! Muito legal a ideia! =) Mas não leria o livro de jeito nenhum... hot não é meu forte, BDSM menos ainda, e eu jogaria o livro pela janela nessa parte do cara querendo que ela aceitasse "irmãs de coleira". aliás, socorro, nunca tinha ouvido essa expressão e não quero me arriscar a conhecer outras... rs... Mas que bom que curtiu a leitura, Paulinha!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju!
      Sei que não gosta desse estilo! Mas fico feliz que curtiu a resenha!
      <3 <3 <3
      Beijos

      Excluir
  29. Paula, comentei no post de até a página 100 que eu estou um pouco de ressar literária de new adults/eróticos. Mas, gostei muito do livro! Mas, ele entrou pra lista de desejados quando a ressaca passar, é que eu li taaantos que acabou me cansando por hora. Mas, adorei as citações, são elas que geralmente me captam pro livro. Eu gostei muito da série Blackstone, acho que é parecido!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Flor!
      Espero que sua ressaca passe logo minha flor! E que curta muito a escrita da autora e a história!
      Obrigada!
      <3 <3 <3
      Beijos

      Excluir
  30. Oi Paula
    Lembro que no post de ''li até a página 100'' fiquei interessada no livro e quando comecei a ler a resenha o interesse continuava, mas depois de descobrir que tem BDSM, ele é dominador e submissa (irmãs de coleiras????) eu não quero mais ler. Pode ter sido tratado leve, mas não é pra mim. Um ou outro hot eu até leio, mas essa temática ai não é pra mim. Mas que bom que gostou do livro.

    Beijos,
    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  31. E a resenha que eu estava esperando está aqui =))
    Definitivamente, não é um livro pra mim. Não curto histórias que envolvem BDSM porque não consigo me identificar com elas. E pera lá, o cara ainda quer ter mais de uma?! Não da mesmo.

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hhahahahhaaa
      Era uma ideologia dele! Mas acabou que não vi ele com muita gente não! hhahahaa
      <3 <3 <3

      Excluir
  32. Paulinha a Eva esta de maldades comigo.
    Querooooooooooooooo muitooooooooooo ler o livro e ela não me deixou, mas vou ser má com ela.

    Linda a resenha e tenho certeza que vou amar, assim como Caminhos.

    Beijos
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que vai curti muito Fer! Aguardo a sua resenha! <3 <3 <3
      Beijossssss

      Excluir
  33. Oi Paulinha, tudo bem?
    Você fez de novo, que resenha de tirar o fôlego!!!!!! Nossa, como esse livro mexeu com você. Acho que não vale tudo por amor não!!!!! Eu não aceitaria me submeter a isso por amor, e um homem que pede isso para ela não a ama, para mim isso não é amor.
    Pena que não é meu gênero, mas realmente parece ser muito bom!!!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Cila amada!! <3 <3 <3
      Deveria ler, mesmo não sendo seu estilo, acho que essa vc ia gostar!
      Beijos

      Excluir
  34. Olá Paula!
    Que livro maravilhoso. Fiquei arrepiada só de ler a sua resenha. Quero muito ler. A história parece incrível bem do jeito que eu gosto.
    Amei a sua resenha.
    Beijinhos!
    www.eraumavezolivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Su!!!!!
      Espero que leia e ame de paixão! <3 <3 <3
      Beijossss

      Excluir
  35. Olá Paula, bom vamos em partes. Primeiro é que infelizmente não li nada da autora, contudo só vejo elogios a suas obras, principalmente com o primeiro livro. Tanto que o tenho em minha lista. Agora a este livro Cicatrizes, o enredo dele a forma em que esta caminhado - pelo que li de sua resenha - me desperta total interesse, ate por que você sabe que gosto muito deste gênero, mas fico sempre com um pé atras por que as historias quase sempre são as mesmas, não mudando muito. Claro que notei um velho clichê ai, mas pela forma em que você falou também tem uma historia por detrás deste clichê e por isso estou colocando ele na minha lista e espero muito em breve poder desfrutar desta historia.
    Flor parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Aninha!
      Eu gostei muito do primeiro livro, acho a autora um talento!
      Acho que pelo que conheço do seu gosto, vai gostar das duas histórias!!
      Obrigada lindona!
      <3 <3 <3 Beijos

      Excluir
  36. Nao conheço o livro e nem a autora, mas sua resenha esta otima. Me intereesei por ler! :)
    Beijos
    www.salada-frutas.com.br

    ResponderExcluir
  37. Oieeee, eu conheço a autora por causa do seu outro livro Caminho das águas, não sabia da existência deste livro antes de visitar seu blog, adorei a novidade e fiquei com muita vontade de conhecer toda a história, sobre a capa eu não preciso nem comentar, muito sex rs, Abraços.

    ResponderExcluir
  38. Nossa! Que resenha, hein.
    Esses nacionais estão vindo com força mesmo. Respira. Respira. Respira. Adoro quando os papeis sãoo invertidos, mulher de gelo? O livro já me conquista pelo fato da personagem principal se mostra forte e resistente ao romance. Adoro mulheres de personalidades duras, rsrsrs. Além dessa capa linda, é claro.
    Espero suspirar com esse livro. Parabéns pela super resenha. Beijos,
    http://miiheomundoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  39. Resenha maravilhosa! Fiquei com muita vontade de ler!! Estou começando a gostar de livros assim! Aí já viu, né? Quero ler tudo ligado ao novo gênero que faz parte da minha vida como leitora!! rsrs A estória de Cassie e Hawke me deixou bem curiosa! Vou adicionar ao meu skoob para não esquecer de fazer a leitura!! ^.^

    Beijinhos

    Mirelle - meumundoemtonspasteis.com

    ResponderExcluir
  40. Adorei a resenha....li poucos livros hots ainda mas tenho me sentido atraida por eles pelas belas resenhas encontradas pelos blogs!
    Quem sabe esse entre na lista né =)

    ResponderExcluir
  41. Mais uma história que estou louca pra conhecer. Pelos seus comentários é muito bom. E não vejo a hora de poder conhecer os personagens que me deixam curiosa. Beijos.

    ResponderExcluir
  42. Estou morrendo de vontade de conhecer essa história... sinto que vou me apaixonar
    Estou em um caso de amor com os livros nacionais, e estou cada vez mais envolvida e
    apaixonada.

    ResponderExcluir
  43. Fiquei muito interessada neste livro, preciso dessa leitura!!! Tu sabe que adoro o gênero né?!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  44. A capa do livro já é uma tentação...estou louca para ler este livro!

    Beijos

    ResponderExcluir
  45. Nossa depois de ler essa resenha fiquei com mais vontade ainda de ler o livro!

    ResponderExcluir
  46. Estou doida pra ler esse livro, parece ser ótimo mesmo e depois de ler essa resenha então fiquei ainda mais ansiosa pra conferi essa intensa história de Cassie e Hawke.

    ResponderExcluir
  47. Doidaaaa pra leeer !! Blog de parabéns é simplesmente maravilhoso!! eu quero quero

    ResponderExcluir
  48. amo historias que se passam no universo BDMS....
    achei a capa linda.... a história envolvente...
    achei a resenha perfeita...

    ResponderExcluir