sábado, 12 de dezembro de 2015

Resenha: Playboy Irresistível - Beautiful Bastard - Livro 03

Resenha: Playboy Irresistível - Beautiful Bastard - Livro 03
Classificação: 5/5 ♥ Favorito
Editora: Universo dos Livros

Playboy Irresistível - Beautiful Bastard - Livro 03
Uma linda nerd. Um incorrigível Don Juan. E uma aula de química só para maiores... Quando Hanna Bergstrom escutou de seu irmão que ela precisava ter uma vida social e se libertar um pouco da faculdade, ela jurou que iria cumprir essa tarefa: sair mais, fazer amigos, começar a namorar. E quem melhor para transformá-la na garota dos sonhos de todo homem do que o lindo melhor amigo de seu irmão, o investidor e playboy assumido Will Sumner? Will ganha a vida assumindo riscos, mas a princípio ele não bota fé na transformação daquela garota desajeitada... até que numa noite selvagem, sua inocente pupila o seduz e acaba ensinando uma lição sobre o que é ficar com uma garota ardente e... inesquecível. Agora que Hanna descobriu o poder de seu próprio sex appeal, resta a Will provar que ele é o único homem que ela precisa.

''Você já sentiu que as pessoas que mais lhe significam não são as que você mais vê? Ultimamente, sinto como se não estivesse direcionando meu Coração onde importa.'' 

Simplesmente o melhor livro da série para mim. Playboy Irresistível da série Beautiful Bastard deu um show. Um show de personagens gostosos. Um show de conquista e provavelmente o mais quente livro da série. 
Will maravilhosamente destronou Bennet de seu reinado para mim! (Risos!) Não sei onde essa autora consegue tanta imaginação para criar esses homens dela. Simplesmente de tirar o fôlego!

Hanna nossa mocinha é uma nerd. Viciada em trabalho e estudos, ela simplesmente esqueceu que a vida não é só isso. Então seu irmão vem para uma visita e lhe dá uma sacudida, diz que para ela ligar para seu melhor amigo que morra na mesma cidade e pedir ajuda para ele lhe dar um toque de como ser mais social. Imaginem só que esse amigo de seu irmão é o homem que fez Hanna ter muitas fantasias sensuais na sua adolescência, mas que nunca a viu como mulher! 

Wiil  o Playboy do pedaço. Lindo, rico, gostoso e charmoso. Ele sabe fazer uma mulher se sentir bem! Masssssss... o bonito tem amantes e não relacionamentos! Não que ele seja avesso aos relacionamentos amorosos como eram seus amigos Bennet e Max. Ele só não encontrou a mulher ideal.  
 
Hanna liga para Wiil. Os dois se reencontram depois de anos sem se ver e Will não vê mais a garotinha Ziggy e sim a mulher Hanna! 

Porém, a nossa protagonista tem uma visão de Will. Do garoto que ela conheceu aos seus 19 anos e não do homem com seus 31 anos. E até ela perceber que o homem está sendo sincero e que ela é mesmo diferente para ele, nada de casual ou outra qualquer, nosso mocinho tem que rebolar e correr muito! (Quem leu vai entender!)

''Mas agora eu sabia por que as mulheres verdadeiramente perdiam a cabeça por ele. Porque no fim, ele  realmente  sabia todas as necessidades que uma mulher tinha. Que eu tinha. Ele me arruinou para qualquer outro homem, mesmo antes do primeiro toque. E quando se inclinou por trás de mim arrastando os lábios através da minha orelha  –  não era um beijo, não exatamente  –  e perguntou, “Você acha que vai gritar quando gozar dessa vez  também?” – eu estava perdida.''

Com certeza boas risadas garantidas. Deu para matar a saudade de todos os personagens da série. Deu de suspirar por Will e querer sacudir Hanna e ao mesmo tempo rir muito com ela e sua espontaneidade. 

A História é ''viciantemente'' gostosa. Will foi uma bela surpresa para mim. Não senti que ele cometeu nenhum erro durante a narrativa. Seus sentimentos sempre verdadeiros e intensos. Nada de querer matar o mocinho aqui. Para mim foi uma grande torcida pelo romance e amei o caminho todo percorrido pelo casal. Foi um livro para fechar a trilogia com chave de ouro! AMEI! 

''No final se ama um desejo e não o que se é desejado.''

A Série:


Paula Juliana   

Nenhum comentário:

Postar um comentário