domingo, 13 de março de 2016

Resenha:Paixão Sem Limites - Sem Limites - Livro 01 - Abbi Glines

Resenha:Paixão Sem Limites - Sem Limites - Livro 01 - Abbi Glines
Classificação: 5/5  Favorito
Editora Arqueiro

Sinopse - Paixão Sem Limites - Sem Limites - Livro 01 - Abbi Glines
Blaire Wynn não teve uma adolescência normal. Ela passou os últimos três anos cuidando da mãe doente. Após a sua morte, Blaire foi obrigada a vender a casa da família no Alabama para arcar com as despesas médicas. Agora, aos 19 anos, está sozinha e sem lugar para ficar. Então não tem outra escolha senão pedir ajuda ao pai que as abandonara. Ao chegar a Rosemary, na Flórida, ela se depara com uma mansão à beira-mar e um mundo de luxo completamente diferente do seu. Para piorar, o pai viajou com a nova esposa para Paris, deixando Blaire ali sozinha com o filho dela, que não parece nada satisfeito com a chegada da irmã postiça. Rush Finlay é filho da madrasta de Blaire com um famoso astro do rock. Ele tem 24 anos, é lindo, rico, charmoso e parece ter o mundo inteiro a seus pés. Extremamente sexy, orgulha-se de levar várias garotas para a cama e dispensá-las no dia seguinte. Blaire sabe que deve ficar longe dele, mas não consegue evitar a atração que sente, ainda mais quando ele começa a dar sinais de que sente a mesma coisa. Convivendo sob o mesmo teto, eles acabam se entregando a uma paixão proibida, sobre a qual não têm nenhum controle. Mas Rush guarda um segredo que Blaire não deve descobrir e que pode mudar para sempre as suas vidas.

'' O amor agora não bastava. O amor não basta quando a nossa alma está em pedaços.''


Eu hoje trago para vocês uma resenha de um livro que eu gosto muito e é minha releitura do mês. A primeira vez que li Paixão sem Limites, ele ainda não tinha sido lançado pela editora Arqueiro, foi em agosto do ano passado e eu estabeleci uma relação de amor e ódio com a história. Tão indignada com o mocinho, eu acabei deixando um pouco a série de lado e  peguei para ler o segundo só meses depois em setembro. Foi aí que me apaixonei completamente e li direto até o volume cinco. Depois de um tempo o livro foi lançado aqui no Brasil e não tive como não compra-lo. Ficou ali na minha estante, com essa capa nova maravilhosa esperando o momento certo para mim relê-lo e como essa semana eu tinha lido o volume seis da série o livro Take a Chance - Resenha aqui - me deu uma tremenda saudade e eu peguei o bonito para reler noite passada. 


'' A gasolina acabou. Eu tenho 20 dólares na bolsa. Meu pai fugiu e me abandonou depois de dizer que me ajudaria. Acredite em mim: ele era a ÚLTIMA pessoa para quem eu pediria ajuda. E não uso maquiagem. Tenho problemas mais graves no momento que ficar bonita.''


Foi incrível como eu tive uma perspetiva da história totalmente diferente nessa minha segunda leitura. Na primeira vez que li eu fiquei tão puta com o mocinho, que na minha cabeça ele tinha que colocar a Blaire  em primeiro lugar e não importava para mim suas outras relações. Ele cometei um erro muito grande. Esse primeiro livro gira em torno de um grande segredo de família que só quem desconheci é a nossa protagonista, Blaire. Então na primeira vez que eu li eu fiquei tão focada nos sentimentos da Blaire que eu não abri espaço para ver os dois lados da história e interpretar o sentimento e sofrimento dos dois personagens.  


'' - Enfie isso na sua cabeça. Não posso tocar você. Quero tanto fazer isso que está doendo, mas vou magoar você. Você é... perfeita, intocada. E no final nunca me perdoaria. (...)

- E se eu quiser que você toque em mim?''

Blaire é uma menina de 19 anos que teve uma adolescência muito difícil. Aos quinze anos ela perdeu sua irmã gêmea em um acidente e logo depois seu pai abandonou ela e sua mãe. Vivendo ela e a mãe na casa de sua falecida avó, por um jogo do destino sua mãe fica doente e morre de câncer após três anos de luta contra a doença. Blaire tem que pagar as dívidas, então vende a casa onde mora e fica sozinha, só com seu carro e 20 dólares no bolso. É obrigada a pedir ajuda para seu pai. A moça pega seus pertences e sua dignidade, e vai de Alabama para Flórida, em Rosemary. Chegando lá seu pai viajou para Paris com a sua atual esposa e a nossa mocinha encontra Rush, filho da mulher de seu pai.


'' Fique longe de mim, Blaire. Você não vai querer chegar perto. Ontem a noite... - Ele engoliu em seco. - Não paro de pensar em ontem a noite. Saber que você estava vendo me deixou louco. Então fique longe. Estou me esforçando ao máximo para ficar longe de você.''


Rush sede um quarto de empregadas para Blaire ficar. O problema é que o protagonista não é o maior fã de Blaire e nem de seu padrasto. Os personagens sofrem uma atração imediata. Aquele tipo de atração forte e instantânea. Mas Rush esconde um segredo e luta com todas as suas forças para ficar longe de Blaire e ela por sua vez acha que ele a evita por não acha-la boa suficiente!   

''Grant afastou a mala da minha mão. 

- Por acaso, eu sou o irmão gentil. Não vou deixar você carregar esta mala tendo um par de braços muito fortes, para não dizer muito impressionantes, para carregá-la.''

Lendo esse primeiro livro lembrei porque me encantei tão rapidamente pela gentileza de Grant. Fui seduzida pela doçura de Woods. A espontaneidade de Bethy. A alegria de Jimmy. Lembrei porque odeio tanto Nan - a vadia má! Lembrei como admirei a força de Blaire  e como tinha ficado seduzida, decepcionada e conquistada por Rush. Lembrei como sofri lendo esse livro, como fiquei com muita pena de Blaire. E como quase que tive que montar uma árvore genealógica para entender toda a história!  


'' O mais inteligente seria me afastar e mantê-lo a distancia; Rush não era nem jamais seria o Príncipe encantado de alguém. Eu não podia me permitir pensar que ele era o homem que iria me amar e proteger. Ele nunca seria esse cara. Só que o meu coração já tinha se afeiçoado um pouco a ele.''

O Livro é maravilhoso. A escrita de Abbi é fluída e gostosa. Como da primeira vez que li, eu devorei o livro em uma madrugada só! É daquele tipo que te conquista, que você fica viciada e não quer largar! Sou mega fã dos New Adults e esse foi um dos primeiros que li. Espero estar relendo em breve toda a série.  


Blaire é uma mocinha tão forte e marcante que dá uma lição de vida em todos a sua volta! Assim como Rush, são personagens envolventes. Uma história que te leva pela curiosidade, o sentimento envolvido nos dramas e ações, e a intensidade que a história trata de uma forma real e bonita e sofrida todo o dilema de amor, família e destino!  

'' Eu sempre teria apenas a mim. Por que aquele homem tinha pegado o meu coração e destruído, mesmo sem querer. Eu jamais teria confiança suficiente para amar outra vez.

- Rush, eu não posso te amar.''

Paula Juliana

3 comentários:

  1. Oi Paula, eu tenho vontade de ler esse livro a algum tempo, mas sempre deixo pra depois.
    Acho que vou ler ele rapidinho também, rs
    Parabéns pela resenha!
    Abraços

    literacult.com.br

    ResponderExcluir
  2. Saudades de quanto ficamos discutindo sobre este livro Paula hahaha, ai eu ainda tenho uma relação de amor e odeio viu, mesmo assim eu leio tudo da Abbi, não adianta ela escreve bem, mesmo que algumas histórias não me convençam!

    Beijos ♥ Joi

    ResponderExcluir
  3. eu to MORRENDO para ler este livro. Mas aqui na minha cidade não encontra em NENHUMA livraria e também não to achando online. Todo mundo fala tão bem que afffs... quero muito muito ler.
    Excelente resenha!

    Beijos!
    emy

    missbeastlytales.blogspot.com.br

    ResponderExcluir