Pular para o conteúdo principal

Resenha: Lute como uma Garota - 60 feministas que mudaram o mundo - Laura Barcella/Fernanda Lopes

Resenha: Lute como uma Garota - 60 feministas que mudaram o mundo - Laura Barcella/Fernanda Lopes
Classificação: 5/5 ♥ Favorito
Editora: Cultrix
Skoob 

Sinopse: Lute como uma Garota - 60 feministas que mudaram o mundo - Laura Barcella/Fernanda Lopes

Estamos vivendo novos tempos: a discussão sobre os direitos das mulheres não se concentra mais em grupos específicos e a luta feminista amplia seu debate na sociedade. Da violência contra a mulher à cultura do estupro, uma série de questões é tema de conversa frequentes na mídia e nas redes sociais. Mas como chegamos até aqui? Quem nos ajudou nessa trajetória? "Lute como uma Garota", de Laura Barcella, reúne o perfil de figuras importantes da militância feminista, abrangendo as pioneiras do século XVIII e as estrelas pop dos dias de hoje, como Frida Khalo, Simone de Beauvoir, Oprah Winfrey e Madonna. E o livro não deixa de fora os nomes essenciais da luta no Brasil: em 15 perfis, com nomes como Djamila Ribeiro e Clarice Lispector, a jornalista Fernanda Lopes traz ao público um pouco de nossa história. Com ilustrações, prefácio de Mary Del Priore e apresentação de Nana Queiroz, Lute como uma Garota mostra a força dessas mulheres.

''Pés, para que eu preciso de vocês, se tenho asas para voar?''  
FRIDA KAHLO

Temos que conversar sobre nossas mulheres! E proteger nossas meninas, combater essa cultura ainda hoje machista e pequena que priva mulheres, tortura mulheres e mata mulheres. Estou muito orgulhosa desses livros tão especiais que estão sendo lançados e que acabam marcando uma nova era, uma nova onda da literatura mundial, é tão especial que nós como seres humanos consigamos observar que precisamos levantar bandeiras, contar histórias e conversar sobre algo. 

''Não há maior agonia do que suportar dentro de si uma história não contada.''
MAYA ANGELOU

A obra Lute como uma Garota, lançado aqui no Brasil pelo Grupo Pensamento, Editora Cultrix, marca um pouco da história do Feminismo mundial, são relatos de histórias de mulheres que foram cada uma a seu modo especial no seu tempo e contribuíram para que o mundo seja o que é hoje. Sim, nada está perfeito, e muito tem que ser mudado, mas não podemos esquecer que já foi terrivelmente pior, e que em alguns lugares ainda é muito, muito ruim nascer mulher. 

''É uma violação dos direitos humanos quando mulheres e meninas são vendidas para a escravidão da prostituição.''
HILLARY CLINTON

O livro não só conta histórias de mulheres isoladas, como também relata de uma maneira digamos que crescente o que foi essa luta dessas ''heroínas'', são nomes bem conhecidos, como também alguns desconhecidos, e ainda tendo aquelas que já ouvimos falar, mas não sabemos sua história, ou o porque são tão importantes e famosas. Vamos de Frida, passando por Madonna e Beyoncé, seguindo por Hillary Clinton e Oprah, terminando em Clarice e Maria da Penha.  São 60 divas que merecem nossos aplausos e respeito.

Algumas histórias realmente me marcaram, algumas mulheres que sofreram demais, e são dores, sentimentos que devemos honrar, como a menina Malala que por levantar sua voz e contar como as meninas são maltratadas em países como o Paquistão foi quase assassinada, hoje com toda a violência que a mulher ainda sofre no Brasil - e a história de Maria da Penha marca isso, ainda temos uma coisinha chamada liberdade de expressão, blogueiras não levam tiros por mostrar ou opinar sobre algo, e é tão triste que ainda existam lugares que nem isso elas, nós tenhamos direito. O direito de falar.

''Eles atingiram meu corpo, mas não podem atingir meus sonhos.''
MALALA

Livros como esse são importantes. 
Assédio sexual, assédio moral, violência psicológica, salários desiguais, dubla jornada de trabalho, como também o simples fato de ter medo de passar numa rua escura no meio da noite. Ela estava com roupas justas. Olha que vadia. Roupas curtas? Ela pediu para ser estuprada. SÃO POR COISAS E AFIRMAÇÕES COMO ESSAS QUE LIVROS COMO ESSES SÃO IMPORTANTES. 
Lute como uma Garota é uma obra que deve ser lida com respeito. Mulheres e homens, o começo de uma nova educação, para que afirmações como essas não sejam nunca jamais repetidas! Temos que conversar sobre nossas mulheres e principalmente respeitá-las. 

''Você tem que sacudir as grades da sua gaiola. Tem que mostrar a eles que está ali e que quer sair. Tem que fazer barulho. Causar um reboliço. Talvez você não vença de imediato, mas com certeza vai se divertir mais.''
FLORYNCE KENNEDY

Paula Juliana

Comentários

Últimas Postagens Overdose:

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Millennium # 1 - Stieg Larsson

Resenha: Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Millennium # 1 - Stieg Larsson Classificação: 5/5 ♥ Favorito  Editora: Companhia das Letras Skoob
Sinopse: Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Millennium # 1 - Stieg Larsson Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Vem da Suécia um dos maiores êxitos no gênero de mistério dos últimos anos: a trilogia Millennium - da qual este romance, Os homens que não amavam as mulheres, é o primeiro volume. Seu autor, Stieg Larsson, jornalista e ativista político muito respeitado na Suécia, morreu subitamente em 2004, aos cinqüenta anos, vítima de enfarte, e não pôde desfrutar do sucesso estrondoso de sua obra. Seus livros não só alcançaram o topo das vendas nos países em que foram lançados (além da própria Suécia, onde uma em cada quatro pessoas leu pelo menos um exemplar da série, a Alemanha, a Noruega, a Itália, a Dinamarca, a França, a Espanha, a Itália, a Espanha e a Inglaterra), como receberam críticas entusiasmadas. O motivo do sucesso reside em vá…

Resenha: Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler

Resenha: Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler
Classificação: 5/5 ♥ Favorito 
Editora: Novo Conceito
Skoob

Sinopse: Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler
Dez coisas que aprendi sobre o amor - Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas,…

Resenha: Louca Por Você - After Dark - Livro 01 - A. C. Meyer

Resenha: Louca Por Você - After Dark - Livro 01 - A. C. Meyer
Classificação: 5/5 Favorito

Sinopse - Louca Por Você - After Dark - Livro 01 - A. C. Meyer Ele era tudo que ela queria...
Julie Walsh foi apaixonada por Daniel Stewart a vida inteira, mas ele só a via como sua irmãzinha. Até que o destino resolve dar uma mãozinha e dá a Julie a oportunidade de balançar a vida e o coração de Danny.
Ele não queria se apaixonar...
Daniel reprimiu seus sentimentos por muitos anos. Sem interesse em investir em relacionamentos sérios, aproveitava a vida com uma garota diferente a cada dia, investindo seu real sentimento no sucesso do seu bar, o After Dark.
Até que o destino lhe dá uma pancada na cabeça e um sacolejar no coração e mostra que a garotinha que ele sempre tratou como sua irmãzinha, é na verdade, aquela que pode fazer ele começar a pensar em "para sempre". Mas quando Daniel resolve dar uma chance para esse estranho sentimento que se apodera dele, ele esbarra com um…