Pular para o conteúdo principal

Resenha: As Vidas Impossíveis de Greta Wells - Três vidas... Uma escolha - Andrew Sean Greer

Resenha: As Vidas Impossíveis de Greta Wells - Três vidas... Uma escolha - Andrew Sean Greer
Classificação: 5/5 ♥ Favorito
Editora: Jangada
Skoob 

Sinopse: As Vidas Impossíveis de Greta Wells - Três vidas... Uma escolha - Andrew Sean Greer

Durante um tratamento psiquiátrico após perder seu irmão e o rompimento de seu relacionamento, Greta Wells se vê transportada para vidas que poderia ter tido se tivesse nascido em épocas diferentes. Sua consciência se alterna entre seu próprio tempo e sua vida em 1918, em que trai o marido, e outra em 1941, em que é mãe e esposa devotada. As três vidas de Greta são repletas de tensões familiares e escolhas difíceis. Cada realidade tem suas perdas, recompensas e desafios. Será que são efeitos do tratamento ou ela realmente está vivendo essas vidas? E se Greta descobrir como permanecer em um dos outros mundos, em qual época ela vai querer ficar?

''Quando era garotinha - ele disse, fazendo um gesto na direção dela -, era esta a mulher que a senhora sonhava se tornar?''

Dizem que o impossível acontece ao menos uma vez na vida para cada um de nós. O impossível aconteceu realmente na vida de Greta Wells, uma mulher que tinha tudo, até deixar de ter, e agora tem a possibilidade de ter tudo de volta novamente. Uma obra que fala de vidas, de mundos, de crenças e principalmente de escolhas. Um romance histórico forte e profundo que mistura estilos criando uma linda história. Impactante. Real na sua irrealidade. 

Greta perde seu irmão, logo depois o homem ao qual acreditava amar e mergulha em um mundo triste e melancólico.  Um tratamento que poderia lhe salvar. 

Eletrochoques. 1985.

Após a primeira sessão Greta se transportada para 1918. Para o corpo de outra Greta. De outra versão sua, porém, tendo a consciência que aquela vida não é dela, e aquela mulher ao qual veste o corpo, não é ela. Por maior coincidência que poderia ser, aquela Greta também estava com problemas e fazendo o mesmo tratamento. Seria essa a chance de Greta voltar para sua própria vida?! 

E o impossível novamente! 1941.

Fazia um bom tempo que não lia um livro com essa pegada de viagem no tempo, a história é toda alternada entre 1918, 1941 e 1985. Conhecemos somente a visão da nossa Greta original de 1985, mas como ela começamos a acompanhar e a viver a vidas das demais Gretas. A obra abre um leque enorme de opções, o leitor viaja junto. Os personagens são muito bons e estruturados de uma forma que nos faz pensar. Primeiro na existência de várias vidas de uma só pessoa, e depois sobre a personalidade e as coisas que nos fazem quem somos, que aparentemente independente de qual vida estamos vivendo parecem nos perseguir. Erros que são cometidos das mesmas formas, gostos e opiniões. E vida ou morte. Em quantos planos poderíamos não existir mais?! 

''Quantas vezes mais eu teria a chance de encontrar alguém novo, começar com tudo o que tinha feito de certo e de errado, corrigir os erros e iniciar renovada uma outra vida?'' 

Mundos. Segredos. Traições.

Escolhas que podem mudar o rumo das vidas. Quando as Gretas começam a viajar entre seus corpos em épocas diferentes, percebem que podem alterar fatos, e fazer escolhas umas para outras. Só que no fim acabam sempre pulando de uma época para outra. Claro que uma hora o relógio iria parar, e a grande escolha dessas mulheres é decidir aonde cada uma delas pertence.
 O fim é incrível. 
Amei as sacadas históricas da trama. O autor nos posiciona no fim da primeira guerra mundial e no começo da segunda Guerra e faz isso magistralmente.

''Será que ela também viajava no tempo? Nada mais me parecia impossível. Afinal, eu não tinha nada de especial, nada de exclusivo; nosso destino é decidido, muitas vezes, apenas pelo lugar onde estamos parados. ''

As Vidas Impossíveis de Greta Wells é uma obra maravilhosa, inteligente, com um enredo original e eletrizante, nos faz viajar no tempo junto com todas as suas Gretas, com personagens bem construídos, fala de depressão, temas psicológicos, vidas, viagens no tempo, tabus, fatos históricos e homossexualidade, tudo isso lindamente ambientado nos quintais de Patchin Place. 

''Por que é impossível ser mulher? Os homens nunca vão entende, homens que são sempre eles mesmos, dia após dia, declarando em altas vozes suas opiniões, bêbado livremente, flertando, se prostituindo e chorando e sendo perdoados por tudo. Quando uma mulher foi perdoado? Consegue imaginar isso? Porque eu vi o plano para ela receber perdão, e em nenhum lugar dele a mulher está traçando sua vida como sempre sonhou. 

Sempre há limites, regras, perguntas – não prefere voltar para casa, mocinha? – que quebram o feitiço de viver. Que fantasia maravilhosa viver dentro daquele feitiço, o encantamento de falar o que se tem na mente e realizar a própria vontade, e acordar na cama de sua escolha. 

Digo isso simplesmente como uma mulher sacudindo as barras da prisão para ser livre. E o que quero dizer com livre? Apenas caminhar pela rua. Só comprar um jornal sem um simples olhar decidindo onde me encaixar. Megera, esposa ou prostituta. Essas pareciam ser minhas escolhas. Pergunto a qualquer homem que esteja lendo isto, como conseguiria decidir se seria vilão, trabalhador ou passatempo? 

Um homem se recusaria a escolher; um homem teria esse direito. Mas eu tinha que escolher apenas entre palavras, e qual delas significava felicidade? Tudo o que eu queria era amor. Uma coisa simples, uma coisa atemporal. Quando os homens querem amor, eles cantam para consegui-lo, ou sorriem ou pagam por isso. E as mulheres, o que fazem? Escolhem. Então, me digam, senhores, me digam quando e onde foi fácil ser mulher?''

Paula Juliana

Comentários

Últimas Postagens Overdose:

Postagens mais visitadas deste blog

Li - Gostei e Indico! SÉRIE NIGHT HUNTRESS

Li - Gostei e Indico! SÉRIE NIGHT HUNTRESS 

1º Livro da Série Night Huntress – Jeaniene Frost

Título Nacional: A Caminho da Sepultura

Sinopse: A meia vampira Catherine Crawfield persegue os mortos-vivos atrás de vingança, esperando que um destes seres seja seu pai. Capturada por Bones, um vampiro caçador de recompensas, é forçada a uma parceria profana. Em troca de encontrar o pai, Cat concorda em treinar com o sexy caçador noturno até que seus reflexos de combate estejam tão afiados quanto os dentes dele.


2º Livro da Série Night Huntress – Jeaniene Frost

Título Nacional: Com um Pé na Sepultura

Sinopse: A meio-vampira Cat Crawfield é agora a Agente Especial Cat Crawfield, trabalhando para o governo para livrar o mundo de mortos-vivos mal intencionados. Ela ainda usa tudo o que Bones, seu ex-namorado sexy e perigoso, ensinou a ela. Mas quando Cat torna-se alvo de assassinos, o único homem que pode ajudá-la é justamente o vampiro que ela abandonou. Estar perto dele desperta todas as suas emoç…

Resenha: Dominados - Mila Wander

Resenha: Dominados - Mila Wander Classificação: 5/5 ♥ Favorito ♥   Editora: Qualis editora Skoob
Sinopse: Dominados - Mila Wander Dominados - Laura Diniz está concorrendo a um cargo na diretoria da Construtora Marcos Delacox.  Henrique Farias também. Laura Diniz é orgulhosa, ambiciosa, poderosa e viciada em desafios.  Henrique Farias também. Laura Diniz é uma dominatrix fatal.  Henrique Farias é um dominador intenso.  O JOGO DE PODER E SEDUÇÃO SÓ ESTÁ COMEÇANDO...

'' - No fim, todo mundo dominará todo mundo...''
O que  dizer de DOMINADOS? Começando esse resenha com aquela maravilhosa e angustiante sensação de ''não sei como descrever, como esse livro é incrível!!!'' Sinceramente, essa obra da autora Mila Wander, foi uma surpresa maravilhosa, uma leitura que me prendeu e ME DOMINOU em suas quase 500 páginas! Gosto muito de romances eróticos, mas depois de um tempo lendo muitos desse tipo, nós leitores acabamos caindo daquela ''receitinha de bolo'', sabe…

Resenha: Amante Finalmente - Irmandade da Adaga Negra, Livro 11 - J. R. Ward

Resenha: Amante Finalmente - Irmandade da Adaga Negra, Livro 11 - J. R. Ward
Classificação: 5/5 ♥ Favorito
Editora: Universo dos Livros
Skoob

Sinopse - Amante Finalmente - Irmandade da Adaga Negra, Livro 11 - J. R. Ward

Qhuinn está acostumado à solidão. Repudiado por sua linhagem e evitado pela aristocracia, ele finalmente encontrou uma identidade como um dos lutadores mais brutais na guerra contra a Sociedade Redutora. Mas sua vida não está completa. Mesmo que a perspectiva de ter uma família esteja ao seu alcance, ele está vazio por dentro, com o coração entregue a outra pessoa... Blay, depois de anos de amor não correspondido, acredita já ter superado Qhuinn. E já era hora: o homem parece ter encontrado o seu par ideal em uma fêmea Escolhida, e eles terão um filho, exatamente como Qhuinn sempre quis. O destino parece ter levado a vida desses vampiros soldados em direções diferentes... Mas a batalha pela liderança da raça se intensifica, e os novos jogadores na cena de Caldwell estão cri…