Pular para o conteúdo principal

[Especial quatro anos de parceria Novo Conceito] Provence - O Lugar Onde se Curam Corações Partidos - Bridget Asher

[Especial quatro anos de parceria Novo Conceito] Provence - O Lugar Onde se Curam Corações Partidos - Bridget Asher


“Eis uma forma de colocar a coisa: a perda é uma história de amor contada de trás para frente... Toda boa história de amor guarda outra história de amor escondida dentro dela.”


SIMPLES. BELO. HONESTO.
O tipo de história que você nunca quer que termine! Além de uma leitura extremamente prazerosa Provence foi um livro que li em um pulo e não queria que terminasse, queria alongar esse enredo e me jogar nessa narrativa por muitos mais dias do que tive, Bridget Asher conta sobre amor, família, relações de uma forma linda e inspiradora. 
Provence é uma obra que nos instiga a VIVER!
Contagia o leitor de uma forma maravilhosa, nos faz criar raízes com seus personagens e nos embala com uma história de tirar o chapéu! 

 “Devemos ser sinceros quando o mundo não faz sentido...”

Heide perdeu seu grande amor Henry. Depois de um trágico acidente, o que resta para essa mulher é colar seus caquinhos e criar seu filho Abbot, um menino lindo de 8 anos. Heide nunca teve problemas com encontros de família nem com casamentos, porém, depois da morte de seu marido tudo ficou mais difícil. Então, quando sua irmã e seu cunhado Daniel resolvem depois de anos oficializar sua relação em uma cerimônia de casamento, Heide não consegue fazer o bolo e os doces como teria feito antes da morte de Henry, aliás, a moça perdeu o prazer pela cozinha, junto com outras facetas suas que partiram naquele acidente junto com seu amor.

Durante o casamento e com toda a loucura habitual do evento Heide soube por sua mãe que um importante incidente ocorrera na casa de Provence, local onde as mulheres de suas família costumavam passar as férias de verão; ela, sua irmã e sua mãe para ser mais exata, essa casa era um local mágico para elas, Provence e suas lendas, tantas histórias que envolviam a propriedade, mitos de corações curados e amores descobertos que Heide tinha carinho pelo que viveu na sua infância lá. Isso até seus 13 anos, quando pela primeira vez, sua mãe as abandonou e foi sozinha ter o seu verão em Provence, isso marcou Heide profundamente, e nunca mais voltaram para a região e para a casa. Agora Provence pegou fogo, ou ao menos, sua cozinha teve um acidente, a casa de verão de sua infância precisa ser reparada, igualmente Heide e seu coração partido.

Sua mãe lhe propõem que viaje junto com seu filho Abbot e também que leve Charlotte, sua sobrinha, que está passando por um momento delicado para a França. Essa família e suas gerações tem muitas coisas com o que lidar, muito a ser curado, nesse que promete ser um verão mágico, assim como as histórias que giram em torno de Provence.

''Como eu estava enganada? Havia coisas das quais eu não sabia, e elas haviam de colidir.
 1. Na verdade, eu não conhecia Adam Briskowitz, nem o significado da expressão '' ser Briskowitzada''.
 2. Véronique tinha a caixa que pertencia à minha mãe. Ela a guardava em sua mesa de cabeceira e esperava pelo momento certo para dá-la para mim. Eu não sabia o que continha nem como seu conteúdo poderia me afetar.
 3. Abbot encontraria uma andorinha ferida e aquele pássaro -  talvez mais do que qualquer outra coisa - mudaria nossas vidas.''

O que senti ao ler essa obra é que o livro todo é como uma carta de amor, a autora Bridget Asher fala de amor de uma forma muito bonita, ela conta muitas histórias dentro dessa que deveria ser uma só, e não é, temos o amor que gira em volta da casa, fazendo de Provence uma importante personagem, fazendo de Henry, mesmo já morto um importante personagem, Heide descobrindo mais sobre si mesma e como se curar é mais que uma só personagem, são várias protagonistas dentro de uma, como todas nós, ela é mulher, mãe, irmã e filha, ela é a menina que passava o verão naquela casa, ela é a tia, a confeiteira, a moça se apaixonando novamente. 

Essa história é bela por mostrar que somos muitas pessoas dentro de uma só, por mostrar que a vida não é só bonita, que coisas tristes acontecem, momentos se perdem e se passam, que a vida caminha, e nós mudamos, criamos mais pessoas dentro dessa pessoa que somos.

Fiquei encantada com cada história contada por Bridget Asher e por cada personagem que apareceu nesse enredo. A escrita da autora é pura poesia, mesmo sem ter versos nela. Amei as sensações que Provence me causou. Fiquei encantada com Charlotte e com Abbot, ainda mais encantada com Julien, aquele françês, o que seria de uma história de amor, sem um bom mocinho? Apesar, que foram tantas histórias de amor dentro dessa obra, sim, Julien foi um personagem especial.

'' O amor que sinto por você é eterno.'' 

Provence foi uma leitura linda, termino a obra totalmente apaixonada, com certeza um livro marcante que vai ficar gravado em minha mente por muito tempo. 
Relações, recomeços, esperança e amor, família, união, tantos valores em suas páginas! PROVENCE é encantadora e cativante. Você não precisa ir até a França para se curar, quando pode encontrar a França dentro dessa obra! Recomendadíssimo!

''A tristeza é uma história de amor contada de trás para frente, da mesma forma que o amor também é uma história triste contada do fim para o início. Toda boa história de amor tem muitos outros amores escondidos dentro dela.'' 

Paula Juliana

Comentários

  1. Não li ainda, mas o enredo parece lindo mesmo, o que não me surpreendeu quando você disse que finalizou a leitura apaixonada. Eu provavelmente terminaria assim também.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia o livro e me pareceu interessante. Gostei da resenha. Parabéns.

    ResponderExcluir
  3. Oiii!

    Que capa mais linda! Eu adorei a postagem, não conhecia a obra e fiquei apaixonada pela história atraves de sua resenha.
    Dica anotada.

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Eu simplesmente amei essa capa e a premissa. Eu tenho certeza que irei gostar desse livro, porque ele é o meu tipo de leitura. Não conhecia o titulo mas com certeza depois da sua resenha, irei atrás dele. Obrigada pela dica.

    Bjs
    Blog Tell Me a Book

    ResponderExcluir
  5. Oiiie

    Ei, parabens pelos quatro anos de parceria! Isso só mostra que você é um otimo parceiro hahahah Não conhecia esse livro ainda e fiquei bem curiosa para lê-lo. Adorei sua resenha!!

    Beijos
    http://leelerblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Eu já tinha visto a capa desse livro por aí, mas não tinha a menor ideia sobre o que se tratava. Fiquei muito curiosa para ler, pois amo esses livros que falam sobre amor de diversas formas e de família. Além disso, parece que os personagens são bem escritos e cativantes e que a autora tem uma escrita repleta de sensibilidade.
    Adorei a resenha e já anotei a dica.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pelos quatro anos de parceria! <3
    Não conhecia a obra, parece ser um amor! Estou apaixonada pela capa. <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá
    uaaaaaau que legal, 4 anos é muita coisa, imagino como deve ser uma parceria realmente parceria mesmo, fico feliz pelo blog e espero que ainda venha muito tempo de parceria e continue sendo lindo para ambos os lados

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Que capa mais lindaaa... adorei! Não conhecia esse livro, e gostei da premissa, instigante e emocionante! Parabéns pela parceria, a Editora Novo Conceito, sempre com livros lindos e bem caprichados! Anotei a dica aqui, e espero poder ler!

    beijos!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Últimas Postagens Overdose:

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Millennium # 1 - Stieg Larsson

Resenha: Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Millennium # 1 - Stieg Larsson Classificação: 5/5 ♥ Favorito  Editora: Companhia das Letras Skoob
Sinopse: Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Millennium # 1 - Stieg Larsson Os Homens que Não Amavam as Mulheres - Vem da Suécia um dos maiores êxitos no gênero de mistério dos últimos anos: a trilogia Millennium - da qual este romance, Os homens que não amavam as mulheres, é o primeiro volume. Seu autor, Stieg Larsson, jornalista e ativista político muito respeitado na Suécia, morreu subitamente em 2004, aos cinqüenta anos, vítima de enfarte, e não pôde desfrutar do sucesso estrondoso de sua obra. Seus livros não só alcançaram o topo das vendas nos países em que foram lançados (além da própria Suécia, onde uma em cada quatro pessoas leu pelo menos um exemplar da série, a Alemanha, a Noruega, a Itália, a Dinamarca, a França, a Espanha, a Itália, a Espanha e a Inglaterra), como receberam críticas entusiasmadas. O motivo do sucesso reside em vá…

Resenha: Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler

Resenha: Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler
Classificação: 5/5 ♥ Favorito 
Editora: Novo Conceito
Skoob

Sinopse: Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler
Dez coisas que aprendi sobre o amor - Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas,…

Resenha: Chamas na Escuridão - After Dark - Livro 01 - Sadie Matthews

Resenha: Chamas na Escuridão - After Dark - Livro 01 - Sadie Matthews
Classificação: 4/5
Editora: Companhia Editora Nacional
Skoob

Sinopse: Chamas na Escuridão - After Dark - Livro 01 - Sadie Matthews
Chamas na Escuridão - Essa série provocante vai cativar, envolver e, até mesmo, ‘intoxicar’ a leitora como nenhuma outra. Perfeita para aqueles que amaram 50 Tons de Cinza, mas ficaram querendo mais... A história central se passa em Londres, nos bairros mais badalados dessa encantadora cidade. Mas os protagonistas, Beth - graduada em História da Arte, e Dominic – consultor do mercado financeiro, vão se aventurar também na Croácia, Turquia e NY. Profundamente intensa, romântica, provocante e sensual, essa série vai levar a leitora a um lugar onde o amor e o sexo são liberados de seus limites. Fãs de E.L. James e Sylvia Day vão se manter acordados até tarde da noite com “Chamas na Escuridão”.


''Não há prazer sem dor. Não há paixão sem sofrimento. Prefiro me sentir viva a viver em seguran…